Prêmio Adelina de Curadoria

O Prêmio Adelina de Curadoria tem o objetivo de estimular a trajetória profissional de artistas e curadores emergentes, possibilitando novas abordagens e experiencias no exercício da curadoria artística, através da realização de projetos curatoriais voltados para todas as linguagens e suportes da arte contemporânea.

Os curadores selecionados recebem Prêmio de reconhecimento e hospedagem para a realização dos projetos curatoriais selecionados.

A Adelina Instituto também oferece auxílio para a produção e programação paralela durante a exposição, que compreende programas públicos, debates abertos e visitas agendadas com escolas da região e o público em geral.

Como participar?

Através de inscrição durante convocatória aberta, os candidatos podem apresentar propostas de projetos curatoriais para realização de exposição no espaço expositivo da Adelina Instituto.
Por meio de júri formado por curadores com larga experiência, é selecionado 1(um) projeto por edição, entre os inscritos por brasileiros e estrangeiros residentes no Brasil, de acordo com as especificações e regras previstas em convocatória.

PRÊMIO ADELINA DE CURADORIA 2020

A Adelina Instituto agradece aos curadores que se inscreveram para o Prêmio Adelina de Curadoria 2020 e reconhece a qualidade dos projetos enviados.

Dentre os mais de 50 inscritos de diversos lugares do Brasil, com qualidade e propostas precisas e potentes, fazer a seleção de júri não foi uma tarefa fácil. Por isso, além do projeto selecionado, anunciamos também algumas menções à curadores finalistas no processo com projetos notáveis:

  • Ana Paula Lopes e Cadu Gonçalves – A face oculta da lua
  • Henrique Menezes – Contraforça
  • Rogério Felix – Tem que ser valente, sonhar com os olhos abertos
  • Pollyana Quintella – Rever/Volver

E é com muita alegria que anunciamos o selecionado para o Prêmio Adelina de Curadoria 2020:

Laerte Ramos – Amazona